Feeds:
Posts
Comments

Posts Tagged ‘fala sério’

cúmulo da desorganização

Acabo de perceber que tenho um arquivo na raiz do meu $HOME chamado ipsec.pdf datado de 2006 cujo conteúdo é um HTML de 404 Not Found. Pra você ver como sou organizado…

Imagem

Imagem

Advertisements

Read Full Post »

Esses dias assinei um plano 3G da Vivo. Chegando em casa, comecei a usar a conexão 3G ao invés do ADSL que tenho aqui para testar o serviço. Foi meio broxante quando depois de um tempo de uso (1 hora talvez? não sei) a conexão ficou extremamente lenta, com pings de 30 segundos ou mais (o recorde foi 200 segundos!). Lá vou eu, ligar pro suporte da Vivo no mesmo dia em que assinei o serviço. A 1ª impressão foi pro ralo.

Interessante que o menu do telefone já classifica o usuário por sistema operacional:

Se você usa um computador com Windows, tecle 1.
Se você usa um computador com Mac OS, tecle 2.
Se você usa um computador com Linux, tecle 3.

Legal, eles reconhecem que existem clientes que usam Linux! Teclei 3. A experiência não foi lá tão boa, mas isso não surpreendeu. Obviamente o suporte da Vivo coloca sempre a culpa no seu equipamento e o problema nunca é na rede deles, então pedem pra fazer trocentos procedimentos de configuração e teste antes de cogitarem que eles têm que fazer algo do lado deles.

Mas isso é outra história. O interessante foi o procedimento que ele pediu pra eu fazer. Em primeiro lugar, pediu para abrir um terminal e digitar:

$ sudo echo 1 > /proc/sys/net/ipv6/conf/all/disable_ipv6

Imagine o tempo que levou pra soletrar tudo isso. 🙂

A 1ª coisa que salta aos olhos é que o comando tem um erro típico de quem não manja muito de Linux (quem eles contrataram pra elaborar os procedimentos de Linux deles?!?): o comando “echo 1” rodará como usuário root, mas a parte do “> blah” é feita pelo shell do usuário, portanto vai dar erro de permissão na hora de escrever no disable_ipv6.

Mais impressionante que isso, o atendente pediu pra eu digitar a parte do “$␣”, ou seja ele soletrou “Cifrão, espaço, s, u, d, o, …”.

FacePalm

Quando terminei de digitar o comando (fazendo as alterações necessárias) e apertei enter, ele perguntou se apareceu “Operação bem sucedida”.

NOT-SURE-IF-A-TROLL-OR-JUST-STUPID

Eu expliquei pra ele que quando não aparece nada é porque o comando deu certo então seguimos adiante. A próxima coisa que eu tinha que fazer era reiniciar o computador. Wait wat? Todo esse trabalho soletrando um comando gigante pra editar uma variável no /proc e ele quer que eu reinicie?

mr-bean-irritado

Pra quem não usa ou não manja de Linux (o que não tem problema nenhum, e é até saudável, a menos que você trabalhe com suporte técnico): as alterações no /proc são “efêmeras” e na próxima vez em que o computador é ligado volta tudo como estava antes.

O lado bom da história é que a Vivo suporta Linux. Os atendentes também são surpreendentemente prestativos. Quando o procedimento acima não funcionou (quem diria?), eu fiquei discutindo com o cara outras possibilidades, ele deu algumas sugestões genéricas, inclusive uma que ajudou bastante: o problema talvez fosse que o modem muda de 3G (HSUPA) para 2G (EDGE), e aí fica lento. Passei a reparar nisso e realmente é o que acontece.

Já estou fugindo do assunto mas resumidamente, em outra ligação a atendente mencionou que é possível forçar o modem a ficar só no 3G, e isso poderia resolver o problema. O procedimento que ela tinha era só pro Windows infelizmente mas tá valendo, entrei no Windows. Só que meu modem é da Claro e o “discador” que veio nele também, e ele é ligeiramente diferente do da Vivo. Apesar disso ela ficou um tempão tentando me ajudar, tentando mapear o procedimento que ela tinha pra interface do meu discador. No fim achei a opção e realmente resolveu o problema!

Agora, por que o modem muda pra EDGE? Isso ninguém soube explicar, e ainda não consegui convencer a Vivo a fazer uma revisão na rede dela aqui no meu bairro…

Read Full Post »

O WordPress tem um painel muito bom, e uma das seções dele informa quais termos de busca foram usados para as pessoas encontrarem seu blog.

Faz exatamente um ano, comecei a coletar os que mais me chamaram a atenção (geralmente por serem engraçados).

Eis a lista, em ordem cronológica:

  • historia dos the commits
  • haha
  • temperatura geladeiras de cerveja
  • bug de flores
  • versinhos fofos
  • a musica do hino nacional em quadrinho
  • versos determinados.
  • cerveja
  • versinhos em alemão
  • das site auf deutsch
  • super mustache
  • blog nerd
  • ele lutou até o fim
  • images made in photoshop
  • bunny avançado
  • biçicletas 2 lugares
  • documentos necessários para vender sabão
  • baik de cinco lugares
  • flintstones alta resolução
  • tucano de frente
  • fotos de mecanico consertando o carro
  • textosobrecriseeconomicamundialde2009
  • caixas de sabao diferentes
  • onde achar forma para sabão
  • coisas que ten na bicicleta
  • bauermann na alemanha
  • fotos de papagaios em alta resolução
  • gdb для python

Read Full Post »

Se você mora em Campinas, aqui vai uma boa dica: a brito serviços e autopeças fica aberta até as 22h de segunda a sábado, e “só” até as 18hs no domingo. Fala sério!

Eles trabalham com parte elétrica, mecânica, lataria e pintura. Quem me indicou disse que no que se refere à parte elétrica, eles são muito bons. Eu mesmo não tenho elementos suficientes pra dizer. Também não sei como eles são na parte mecânica.

Fica na João Jorge. Na direção de quem vai para a rótula, é um pouco depois (e do outro lado da rua) do mega-templo da universal que tem lá. Fone: 3272-6357.

Read Full Post »

Cá estou eu passeando inocentemente em Montréal, quando vejo este anúncio no metrô:

Quem diria que os hackergotchis iam virar mainstream tão cedo? 🙂

Read Full Post »

micro dos flintstones

Aqui estava eu, na casa dos meus pais em Curitiba fazendo uma limpa em algumas coisas do armário, quando achei isto:

Foi o primeiro computador que eu usei, um TK 90X! Ele já era bem velho quando eu comecei a usar, claro. Mas ainda me lembro de conectar um toca-fitas nele para carregar os jogos. 🙂

Uma coisa que eu fiquei sabendo agora é que esse computador é de projeto e fabricação nacional. Interessante.

Tenho também a caixa dele:

e

Destaque para: “Memória: 16 Kbytes ROM, 16 ou 48 Kbytes RAM” e “Gráficos: alta resolução 256 x 192 Pixels.” 🙂

Estou pensando em doar para algum museu de informática… Se alguém tiver uma sugestão ou contato, agradeço. É bem possível que ele ainda funcione, não testei.

Read Full Post »

Só de zoeira resolvi criar um hackergotchi pra mim. Como esperado, o Google achou rapidinho uns tutoriais de como fazê-los no GIMP.

Uma coisa que achei bem útil foi a lista de cabeças do GNOME Planet. Dá pra ver exemplos de vários estilos e ângulos, pra ver o que fica melhor e também ter uma idéia de como as pessoas fazem os cortes, o que tiram e o que deixam, etc.

Sem mais delongas, eis três que ficaram melhorzinhos, em ordem de preferência:

Hahaha, fala sério, ficou bom não? Bluepages, prepare-se!! 😀

Algumas dicas:

  • A ferramenta Free Select é sua grande amiga. Habilite anti-aliasing e feather edges (eu usei raio 5 (imagino que a unidade seja pixels) e achei bom). Não requer prática nem tampouco habilidade!
  • Para tamanhos menores que 100×100, ajuda fazer um sharpen na imagem, antes de colocar a sombra.
  • Use valores modestos na sombra (eu gostei de offset de 1 pixel no X e Y, e raio de 4 pixels).
  • Cabelo é uma dificuldade. Se o seu é curto e bem domado, sorte sua! Infelizmente o meu é o contrário nos dois aspectos, penei um pouco pra ter algo mais ou menos aceitável.
  • Dê preferência para fotos mais claras, com cores vivas (dá pra ver que a minha imagem do meio ali em cima tá meio apagada, por exemplo) e nas quais sua cabeça (principalmente seu cabelo!) se destaque bem do fundo.

Bom, é isso. Se eu acordar amanhã e cair a ficha de que as figuras acimas estão ridículas, eu tiro do post. Por enquanto, parece divertido. 🙂

Comentários? Críticas? Zoações?

Read Full Post »

Older Posts »